O Altar (III)

O Altar (III)

Do Altar como um lugar de oração já falamos, mas a este respeito podemos muito bem ponderar um parágrafo do Dr. JF Newton, composto de frases lúcidas de que ele é um mestre:

“Assim, por uma necessidade de sua natureza, o homem é sempre buscador de Deus, tocado às vezes com uma estranha tristeza e anseio, e deixando de lado suas ferramentas para olhar para o horizonte distante.

Qualquer outra coisa que ele possa ter sido – vil, Vingativo – a história de sua longa busca por Deus é suficiente para provar que ele não é inteiramente de base.Os ritos horríveis, e mesmo cruéis, podem ter sido parte de seu ritual primitivo, mas se a história de eras passadas nos tivesse deixado nada mais A memória de uma raça em oração, eles nos deixariam ricos.

E assim, seguindo o bom costume dos grandes de eras passadas, reunimo-nos em nosso Altar erguendo mãos em oração, movido para lá pela antiga necessidade e aspiração de Nossa humanidade.

Como o homem que andou nos anos cinzentos de antigamente, nossa necessidade é para Deus, o Deus vivo, cuja presença santifica toda a nossa vida mortal,Até o último suspiro inefável que os homens chamam de morte.

Maçonaria simbólica , por HL Haywood, [1923], em sacred-texts.com
CAPÍTULO XIII
O ALTAR



Total de leitores: 19. Leitura diária: 1. Total de visitas: 2.929.892
mm

About Ivair Ximenes Lopes. Ivair Ximenes

Deixe seus Comentários

Seu comentário é muito importante. Com ele tomamos iniciativas úteis.